• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

O Paradoxo do nosso tempo

Hoje nós temos casas maiores, mas famílias menores;
Mais conveniências, mas menos tempo;
Temos mais títulos, mas menos sensibilidade;
Mais conhecimento, mas menos discernimento.
Temos mais especialistas, mas mais problemas; mais medicina, mas menos bem estar.
Gastamos inconsequentemente, rimos pouco, dirigimos muito rápido,
Ficamos zangados rapidamente, acordados até tarde, acordamos muito cansados,
Lemos muito pouco, assistimos TV demais, e oramos muito raramente.
Multiplicamos nossos bens, mas reduzimos nossos valores.
Andamos demais, amamos muito pouco e mentimos frequentemente.
Aprendemos a sobreviver, mas não a viver;
Aumentamos a nossa expectativa de vida, mas não vida aos anos que nos restam.
Temos edifícios maiores, mas temperamentos curtos;
Rodovias mais largas, mas pontos de vistas limitados.
Gastamos mais, mas temos menos; Compramos mais mas apreciamos menos.
Fomos e voltamos da Lua,
mas temos dificuldade em cruzar a rua para conhecer o novo vizinho.
Conquistamos o espaço sideral, mas não o espaço interior.
Dividimos o átomo, mas não o nosso preconceito;
Escrevemos mais, mas aprendemos menos; planejamos mais, mas conseguimos menos.
Aprendemos a nos apressar, mas não a esperar;
Temos salários mais altos, mas a moral mais baixa.
Construimos mais computadores para acumular mais informação, produzir mais cópias, mas temos menos comunicação.
Temos grande quantidade, mas pouca qualidade.
Estamos no tempo dos fast foods e digestão lenta; homens grandes mas de pouco caráter; Grandes lucros e pequenos relacionamentos
Mais prazer e menos diversão; Mais tipos de alimentos, mas menos nutrição;
2 fontes de renda, mas mais divórcios; Casas mais bonitas, mas lares destruídos.
Este é o paradoxo do nosso tempo.
É por isto que proponho que a partir de hoje você não guarde nada para uma ocasião especial.
Procure o conhecimento, leia mais, sente em frente da sua casa e admire a vista sem prestar atenção às suas necessidades.
Passe mais tempo com sua família e amigos, coma suas comidas favoritas, e visite os lugares que você ama.
A vida é um encadeamento de momento e alegria, não somente sobrevivência.
Use seus copos de cristal.
Não economize seu melhor perfume, e use toda vez que você quiser.
Retire do seu vocabulário frases como ?algum dia? e ?talvez algum dia”.
Vamos escrevar aquela carta que queríamos ?algum dia?.
Vamos dizer aos nossos familares e amigos o quanto os amamos.
Não postergar algo que adicione alegria e risos a nossa vida.
Cada dia, cada hora e cada minuto é especial.
E você nunca sabe se será o seu último.

 

Fonte: Desconhecida

Relacionados

Open chat