• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

O cachorro e o açougueiro

Um cachorro entrou num açougue e o açougueiro o espantou. Logo em seguida o cachorro voltou.
Novamente, o açougueiro foi espantar o cachorro, mas percebeu que ele trazia um envelope na boca.
Então, o açougueiro pegou o envelope, viu dentro um bilhete e uma nota de R$ 50,00. O bilhete dizia: pode me mandar uma salsicha e uma perna de carneiro, por favor?
O açougueiro pegou o dinheiro, separou as salsichas e a perna de carneiro, colocou em uma sacola de plástico junto com o troco e pôs na boca do cachorro.
O açougueiro muito impressionado, decidiu seguir o bicho, já que estava na hora mesmo de fechar o açougue.
Num ponto de ônibus, o cão olhou para a tabela de horário e sentou-se a esperar o seu ônibus.
Veio o primeiro, o cachorro foi até a frente para conferir o número e voltou para o seu lugar.
Outro ônibus chegou, tornou a olhar e entrou. Pasmo, o açougueiro boquiaberto pegou o ônibus também.
De repente com as compras ainda na boca, o cão se levantou, ergueu-se com as patas traseiras e puxou a cordinha para descer.
Maravilhado, o açougueiro também desceu e seguiu o cão, até que ele parou em frente a uma casa, colocou as compras no chão, afastou-se um pouco, correu e atirou-se de encontro a porta.
Nada. Não abriu. Repetiu a operação. Nada. Ninguém na casa.
Então sob a observação do açougueiro, o cachorro circundou a casa, pulou um muro baixo, foi até janela e começou a bater com a cabeça no vidro por várias vezes.
Retornou a porta da frente e sentou-se aguardando. Passado um tempinho um cara enorme abriu a porta e começou a bater no cachorro.
O açougueiro correu até o homem e o impediu dizendo:
– Por Deus do Céu homem, o que você está fazendo? O seu cachorro é um gênio!
– Gênio? Esta jê é a segunda vez que essa semana que este cachorro estúpido ESQUECE da chave!

MORAL DA HISTÓRIA
Você pode continuar excedendo as expectativas, mas para os olhos de alguns, você estará sempre abaixo do esperado.
Se algum dia alguém lhe disser que o seu trabalho não é de um profissional, lembre-se: amadores construíram a Arca de Noé e profissionais o Titanic.

 

Fonte: Desconhecida

Relacionados

Open chat