• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

DESABAFO DE UM JOVEM

A Vitrine da Sociedade tem seus astros. Ricos, famosos, políticos, ladrões, anônimos, os que ganham em loterias, e os jovens. Onde estão eles? No vale do Terror, entre TV e Cadeia? O que mais se tem discutido hoje é o jovem, na maioria das vezes é visto como vagabundo e marginal.
Os políticos que se dizem donos da verdade, vêem o jovem como aquele que não está sendo lapidado, mas, mesmo assim não admitem que seus exemplos incentivam os problemas vividos hoje pela sociedade, e principalmente os da juventude deste país. Pobres jovens que não tem futuro, pois vivem a vida como estar em um salão de festas onde tudo é permitido, não havendo regras para ele. Os donos da lei pensam até em diminuir a maioridade penal, mas de que vai adiantar se não investem na juventude!
O jovem quer emprego, educação de qualidade sendo esses alguns dos alicerces para o seu futuro e de sua família. Ele tem sonhos, projetos, almeja realizações, mas faltam oportunidades. Quando ele, o jovem, está a procura de emprego, não encontra. Não acreditam no seu potencial, dizem que falta experiência. Parecendo que quando é relacionado emprego jovem, surgem falas, escritos, enfim, jovem é igual a falta de alguma coisa. Por outro lado, vem o termo mais usado pelos estudiosos, o de que o jovem é vagabundo, marginal, mil adjetivos que o rebaixam a lixo da sociedade.
Se não há oportunidades, não há realizações, senão há investimentos, não há profissionalização.
Portanto, o jovem é o futuro do mundo e a sociedade será administrada por eles um dia, basta saber se os donos do poder querem ver bandidos ou profissionais nas ruas. A juventude só será vista como boa quando a oportunidade de ser bem educado prevalecer onde precisa.

 

Fonte: Mateus Souza – Projeto Aprender e Vencer

Relacionados

Open chat