• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.7828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Vacaria não tem registros de dengue

 Vacaria não tem registros de dengue
Digiqole ad

O município de Vacaria está unindo forças no combate ao mosquito da dengue. Apesar de não ter havido nenhum caso positivo do mosquito que transmite a dengue, Zika e Chikungunya, as autoridades da área da saúde estão preocupados com a situação. Na manhã desta quinta-feira 11, estiveram na Rádio Esmeralda a enfermeira chefe da Vigilância em Saúde, Rosana Nery, a coordenadora da Atenção Básica enfermeira Deise Fermiano e o diretor do depatamento de meio ambiente, Osvaldo Mota, falando sobre o assunto.

 

Sobre a morte de uma mulher de 64 anos ocorrida no hospital Nossa Senhora da Oliveira, Rosana Nery, enfermeira chefe da Vigilância em Saúde de Vacaria, disse que ela veio de Panambi através da Central de Leitos com suspeita de dengue hemorrágica. O material foi coletado para exame e o resultado ainda não veio do Laboratório Central do estado – LACEN.

 

Os outros dois casos suspeitos são de uma mulher de 63 anos que continua internada e teria viajado para o Mato Grosso e um caminhoneiro que viajou para Pernambuco e já deu alta do hospital em Vacaria. Os dois casos também aguardam resultado dos exames.

 

Rosana Nery salienta que já foram coletadas 1120 larvas em Vacaria, mas nenhuma delas deu positivo para o Aedes Egypti. Vários municípios da região como Bento Gonçalves, Caxias do Sul, Farroupilha e Garibaldi, estão infestados com o mosquito da dengue.

 

Neste sábado haverá uma ação entre Secretaria de Obras, Atenção Básica a Saúde, Vigilância à Saúde, UAMVA e Departamento do Meio Ambiente no bairro Barcelos. Será feito o limpa canto neste bairro onde apareceram larvas do mosquito no mês de dezembro. O trabalho será feito a partir das 13 horas.

 

O apelo continua sendo feito à comunidade para não deixar água acumulada que pode tornar-se um criadouro do mosquito.

 

Crédito: Miro Santos/Rádio Esmeralda

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat