• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Sonda Explorer completa 6 anos estudando galáxias distantes

Digiqole ad

A sonda espacial Explorer, da Nasa, agência espacial americana, completou nesta terça-feira seis anos de missão em que transmitiu imagens para a Terra de mais de 500 milhões de objetos cósmicos distantes da Via Láctea. Uma das fotos mais espetaculares já realizadas foi a da galáxia NGC598 – mais conhecida como M33 – que se encontra na constelação Triangulum, a cerca de 2,9 milhões de anos-luz da Terra.

A Explorer foi lançada em 28 de abril de 2003, a bordo de um foguete Pegasus, para analisar a forma, brilho, tamanho e distância das mais variadas galáxias em relação à Terra, com o objetivo de ajudar os astrônomos a entenderem melhor as origens do universo. Para cumprir a tarefa, o telescópio espacial conta com dois sensores: um no ponto mais distante do espectro ultravioleta, para captar estrelas jovens com menos de dez milhões de anos, e outro no ponto mais próximo, que detecta os corpos celestes com menos de 100 milhões de anos.

Além da M33, a Explorer captou uma inesperada formação estelar e descobriu Mira, uma estrela anciã gigante que se movimenta rapidamente. Segundo os astrônomos, o estudo da velha estrela poderia ajudar a determinar a forma em que finalmente morrerá o nosso Sol, dando origem posteriormente a um novo Sistema Solar.

 

Crédito: Terra

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat