• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.7828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Seis são presos por suspeita de fraude contra INSS no Estado

 Seis são presos por suspeita de fraude contra INSS no Estado
Digiqole ad

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quinta-feira a operação Mendax em Cidreira, Osório, Porto Alegre, Santa Maria, São Martinho da Serra e Viamão. Ao menos seis pessoas foram presas suspeitas de fraudes contra o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS). Foram cumpridos 20 mandados de busca e apreensão e doze de condução coercitiva. Diversos documentos e computadores foram apreendidos. O objetivo da ação foi arrecadar provas para a investigação.

Segundo a PF, a organização criminosa era composta de advogados, contadores e despachantes que captavam interessados e inseriam dados falsos nos sistemas da Previdência Social, utilizando-se do cadastro de empresas fictícias. Em seguida eram registrados vínculos empregatícios falsos em carteiras de trabalho e posteriormente inseridos no sistema da previdência. Após a inclusão dos dados, eram postulados e deferidos os benefícios. Estima-se que os danos causados ao INSS giram em torno de R$ 3 milhões.

O grupo também lesava os cofres públicos mediante o encaminhamento fraudulento de seguros-desemprego gerando em torno de R$ 2 milhões de prejuízo ao Ministério do Trabalho e Emprego. Além do próprio fraudador, também se beneficiavam do esquema seus amigos e parentes. A investigação iniciou em 2010 e contou com o apoio do Ministério da Previdência Social e da Brigada Militar. O material apreendido foi encaminhado para a sede da PF em Santa Maria. O nome da operação significa “mentiroso” em latim.

 

Crédito: Correio do Povo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat