• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Rio Grande do Sul tem rajadas de vento de mais de 100km/h

Digiqole ad

Moradores do Rio Grande do Sul começaram a sentir nesta terça-feira os efeitos do ciclone extratropical vindo do Prata, conforme alertou ontem a MetSul Meteorologia. Em Rio Grande, no Sul do Estado, as rajadas chegaram a 114 km/h na 4ª secção da barra. Às 13h registrou-se 88 km/h em Canguçu e 80,6 km/h no Chuí, também no Sul, 77,4 km/h em Caçapava do Sul, no Sudoeste, e em Mostardas, no Litoral Norte. A previsão é de que as rajadas se intensifiquem da tarde para a noite e a velocidade dos ventos pode chegar a 70 km/h na Capital.

A barra de Rio Grande foi fechada por volta das 11h30min desta terça-feira em razão dos fortes ventos. Assim, a entrada e saída de navios está suspensa por tempo indeterminado.

Antes, um navio que estava ancorado próximo aos cais de São José do Norte foi arrastado pelo vendaval e colidiu na estrutura do local. Dois rebocadores foram utilizados para desencalhar a embarcação e colocá-la na área de atracação.

A balsa que realiza a travessia de veículos de Rio Grande a São José do Norte fez apenas uma viagem no começo da manhã. Após, o serviço foi suspenso em razão do risco oferecido pela ventania.

O ciclone castigou hoje o Uruguai, onde os ventos chegaram a 109 km/h em Punta del Este por volta das 11h. De acordo com a MetSul, a ventania será mais intensa naquele país. A ventania foi destaque nos principais jornais uruguaios, como o El País.

 

Crédito: Correio do Povo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat