• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Quem não usar cadeiras e assentos especiais para transportar crianças nos carros serão multados

Digiqole ad

O que era ato de prudência no trânsito passa a ser uma imposição legal a partir de amanhã. Dois meses e meio depois de sua divulgação, entrará em vigor amanhã, quarta-feira, dia 1º de setembro, a lei que obriga o uso de cadeiras e assentos especiais para o transporte de crianças até sete anos e meio.

Quem for flagrado desrespeitando a resolução 277 do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), será multado em 191 reais e 54 centavos. A infração é gravíssima e o condutor perde 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

A Guarda Municipal também vai verificar se o bebê-conforto, a cadeirinha ou o assento de elevação têm o selo de certificação do Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro).

Portanto, além de equipar o veículo corretamente, é importante escolher produtos com boa procedência. Especialistas alertam para as grandes ofertas, especialmente agora, com a lei em vigor.

Preços muito vantajosos podem esconder peças com algum defeito. Se você ainda não providenciou a segurança para seu filho, não vá até a loja sem saber que tipo de compra deve ser feita.

O Bebê-conforto é destinado aos pequenos com idade inferior a um ano. A Cadeirinha é para crianças entre um e quatro anos e o Assento de elevação é para crianças dos quatro a sete anos.

Se você tiver dificuldade para instalar o dispositivo, a Guarda Municipal está apta a orientar de como e onde ele deve ser colocado conforme mostra a foto em que Léo Fiorio, chefe da GM me ensinava a instalar corretamente a “Cadeirinha”.

 

Crédito: Adelar Gonçalves/Rádio Esmeralda FM – 93,1

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat