• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Problemas com relação ao imóvel do Instituto Federal de Educação de Farroupilha estão próximos de uma solução

Digiqole ad

Os problemas com relação ao imóvel do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRS) de Farroupilha estão mais próximos de chegar a um desfecho. Desde 25 de fevereiro de 2010, o campus é federalizado, e o imóvel onde está o campus resulta em doação do poder público municipal de Farroupilha para a Fundação Universidade de Caxias do Sul (Fucs). A verba para a construção dos prédios e infraestrutura foi disponibilizada pelo Governo Federal, onde funcionava a Escola de Educação Profissional (Etfar/UCS), administrada até meados de 2010 pela Fucs. Com a federalização e conversão da escola em Instituto, a Fucs prometeu transferir o imóvel ao Instituto em até 180 dias, o que não ocorreu. O problema é que o Instituto está prestes a receber verba de R$ 1,8 milhão da União. Sem a comprovação de que o Instituto é detentor do imóvel, não ocorre a transferência, o que inviabiliza investimentos por lá. O prazo para o Instituto apresentar a comprovação do imóvel vai até 10 de agosto. Caso contrário, o Instituto perde a verba.

Em reunião no final da manhã desta sexta-feira, com representantes do Instituto, da prefeitura de Farroupilha, da Câmara de Vereadores e da reitoria da UCS, ficou acertado que, por meio da criação de uma lei, a prefeitura de Farroupilha revoga a doação do imóvel para a Fucs e o repassa à União. A lei será aprovada imediatamente. Com isso, a reitora do Instituto, Claudia Schiedeck de Souza, irá a Brasília tentar apresentar o projeto ao Ministério da Educação e tentar assegurar o repasse da verba.

 

Crédito: Pioneiro

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat