• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.7828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Polícia: Operação conjunta entre PC e BM resultam em sete prisões

Digiqole ad

Operação desencadeada na manhã dessa sexta-feira, dia 15, pela Polícia Civil de Vacaria em conjunto com a Brigada Militar, resultou na prisão de sete pessoas.

Denominada de “Vista Alegre”, em razão do bairro de mesmo nome, em Vacaria e onde reside a maioria das pessoas do grupo que foi preso e que era alvo de investigação por parte da Polícia Civil, a operação teve pleno êxito.

Ao meio-dia de hoje, foram presos também Natanael Schenider, 26 anos e seu irmão-paterno Bruno Toledo Gomes, 20 anos.

Ambos estavam numa propriedade rural localizada na BR – 285, entre os municípios de Vacaria e Bom Jesus.

A equipe de Policiais Civis e Policiais Militares surpreenderam os irmãos quando eles ainda fracionavam meio-quilo de maconha na mesa da cozinha da residência.

Segundo as investigações em andamento, Natanael foi o autor da execução a tiros do apenado Rodrigo Mota Ribeiro, o Mira-Mira, às 6h10min da última segunda-feira, dia 11, na esquina das ruas Vitor Mateus Teixeira com Alípio Ramiro Porto, no KM 4, quando ele chegava em casa após passar o final de semana preso.

O mesmo grupo é apontado pela Polícia como autores do roubo ao Restaurante Altos da Serra, onde também funciona um Posto de Arrecadação de ICMS.

A 1h35min da mesma madrugada, ocasião em que invadiram a casa, renderam a família, sob ameaça de revólver mandaram que abrissem o cofre e levaram 22 mil reais.

Segundo informações do Carlos Alberto Defaveri, delegado titular da Delegacia de Polícia de Vacaria, um atentado contra o segurança (que ficou com seqüelas gravíssimas e ainda está internado no Hospital Pompéia em Caxias) no Salão Comunitário do Bairro Vista Alegre também é atribuído ao grupo.

Na Operação de hoje, até o momento, foi apreendido um VW Gol que foi pago com o dinheiro do roubo, dois revólveres, munição, 12 tijolos de maconha em uma residência (cerca de 300g), meio quilo de maconha na propriedade rural e munição.

O saldo de prisões da operação, que iniciou às 6 horas da manhã de hoje foi o seguinte:

a) dois presos por força de prisão temporária decretada pela Justiça.
b) dois presos por porte ilegal de arma de fogo.
c) três presos em flagrante por tráfico de drogas.

Além das sete prisões, foram identificados dois adolescentes que participaram das ações, os quais responderão aos procedimento na Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente, DPCA Vacaria.

Na foto dois dos presos na operação de hoje.

 

Crédito: Adelar Gonçalves/Rádio Esmeralda FM e Carlos Alberto Defaveri, delegado titular da Delegacia de Polí

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat