• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Polícia Civil ministrou palestra para Escoteiros

Digiqole ad

Na tarde do último sábado, dia 22, a Polícia Civil de Vacaria ministrou duas palestras no Grupo de Escoteiro Porteira do Rio Grande sendo uma para os Lobinhos e outra para os Escoteiros. O assunto abordado pelos policiais foi sobre a prevenção ao uso de drogas e as atribuições da Polícia Judiciária.

O evento foi possível através de um pedido do Grupo Escoteiro ao delegado de Polícia Regional João Estevam Mazine da Silva, da 25ª Região Policial – DPR Vacaria, o qual instituiu a incumbência ao chefe do Serviço de Inteligência Policial e Análise Criminal, inspetor de Polícia João Carlos Pinto de Abreu, o qual também é vice-presidente do COMAD (Conselho Municipal sobre Drogas).

Foram enfocados temas que são necessários para eles (Lobinhos e escoteiros) se habilitarem para a conquista de uma especialidade escoteira, pois no movimento escoteiro os jovens são incentivados a desenvolver e conquistar especialidades, mas a decisão de fazer é inteiramente voluntária. A especialidade serve para o enriquecimento do membro escoteiro e para orientação própria e de terceiros.

Nas reuniões foi falado sobre diversos temas, entre eles: o que são drogas, lícitas e ilícitas; os malefícios que as drogas podem causar bem como alguns sintomas/conseqüências para alguém que faz uso de drogas; saber como agir no caso de lhe ser oferecido drogas; conhecer o trabalho da Polícia Civil no combate às drogas; saber definir e diferenciar usuário, dependente e traficante; saber qual a relação entre uso de drogas e as doenças sexualmente transmitidas como Aids, etc…, e conhecer a legislação referente ao assunto, bem como quais as penas previstas em lei para o usuário de drogas e o traficante.

O inspetor Abreu mostrou, por exemplo, que o primeiro contato com o crack, já torna uma pessoa dependente e doente, mas também falou dos perigos das outras drogas, a exemplo da cocaína, que pode viciar nas primeiras vezes em que for usada e destacado ainda que pode ocorrer uma “overdose”, no primeiro uso. Foi mostrado o efeito das principais drogas no corpo humano. O foco principal foram às drogas ilícitas (crack, maconha, cocaína, êxtase, LSD), mas também mereceu espaço ao risco das drogas lícitas (tabaco e a bebida alcoólica).

As palestras obtiveram resultados positivos ao Grupo de Escoteiros, representados nesta ocasião pela chefa Paula Regina Capelli da Silva, responsável pelo ramo dos Lobinhos, que são os mais novos, pelo Chefe Paulo Antônio Munzi, responsável pelo ramo Escoteiro e pela Chefa Maria Beloni Toledo, a presidente do Grupo Escoteiro de Vacaria.

Na foto, o inspetor Abreu junto aos Escoteiros de Vacaria.

 

Crédito: Adelar Gonçalves/Rádio Esmeralda FM – 93,1 e inspetor de Polícia João Carlos Abreu

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat