• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Plantão Policial: Polícia Civil prende três traficantes em Vacaria

 Plantão Policial: Polícia Civil prende três traficantes em Vacaria
Digiqole ad

A Polícia Civil de Vacaria através da Delegacia de Polícia, desencadeou na noite de ontem, sexta-feira, dia 19, por volta das 19 horas, a Operação Fauna, que resultou na prisão em flagrante de três pessoas pela prática de crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas.

Para tanto, uma equipe formada pela Seção de Investigação da Delegacia de Polícia, constituída por quatro policiais civis coordenados pelo delegado Anderson Silveira de Lima, após a realização de campana, surpreenderam um homem de 34 anos de idade, com iniciais M.D.R., de alcunha “Formiga” (transportador – “mula”), no momento em que pegava drogas (crack) na residência de uma mulher de 27 anos de idade, iniciais M.C.E.R. (que guardava a droga em depósito) para entregar ao chefe do grupo, um homem de 47 anos de idade, iniciais J.A.L., de alcunha “Barão” (que era o distribuidor da droga e chefe do grupo).

O fato aconteceu no Loteamento São Francisco, nas proximidades do Cemitério Santa Clara, em Vacaria.

Segundo informações do delegado de Polícia Civil, Anderson Silveira de Lima, com o “mula”, alcunha “Formiga”, foram apreendidas duas buchas de crack, pesando 8,7 gramas.

Com a mulher que guardava a droga em depósito foram apreendidas, dentro de sua residência, três buchas de crack, pesando 15 gramas. Além disso, a presa escondia enterrada em um pote de plástico, num campo nas proximidades de sua casa, mais quatro porções grandes de crack, pesando 200 gramas.

O delegado Anderson disse ainda, que com o distribuidor da droga, alcunha “Barão”, foi preso em virtude de que coordenava a ação dos outros dois traficantes, conforme ficou apurado durante toda a investigação, que conta com mais de quatro meses.

No total, foram apreendidos 223,7 gramas de crack que estavam sendo comercializados nos bairros de Vacaria.

Se fracionada e comercializada, a droga apreendida poderia resultar 4000 pedras de crack e representar um lucro de aproximadamente R$ 20.000,00 (vinte mil reais) aos traficantes.

Finalizando, o delegado Anderson acrescentou que a Polícia Civil irá continuar reprimindo de maneira severa o tráfico de drogas em Vacaria e Região, sendo que os flagrados foram presos e encaminhados ao Presídio Estadual de Vacaria, sendo que a pena para seus crimes pode variar entre 8 e 25 anos de reclusão.

 

Crédito: Adelar Gonçalves/Dep. Jornalismo e Delegado Anderson Silveira de Lima

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat