• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Na altitude de La Paz, Brasil sofre primeira derrota em 15 meses

Digiqole ad

Dunga retardou a chegada a La Paz, os jogadores prometeram lutar contra a altitude de 3.600 m da cidade, mas o Brasil voltou a ser derrotado pela Bolívia. Neste domingo, o revés por 2 a 1 interrompeu uma série de 19 jogos invictos do time comandado por Dunga, sendo 11 deles vencidos de forma consecutiva – a última vez que a equipe saiu de campo derrotada foi em junho de 2008, diante do Paraguai (2 a 0), em Assunção.

O confronto deste domingo também frustrou alguns jogadores que ainda brigam para convencer Dunga de que podem disputar a Copa do Mundo de 2010, como Diego Souza e Adriano. O palmeirense teve uma atuação discreta e deixou o campo no intervalo, assim como o flamenguista, que não foi tão efetivo como costuma ser e ainda lesionou o tornozelo.

Em matéria de classificação, o jogo não valia nada tanto para Brasil quanto para a Bolívia, que saltou aos 15 pontos e se manteve na penúltima colocação das Eliminatórias Sul-Americanas. Já a Seleção, com 33, precisa vencer a Venezuela na próxima quarta-feira, em Campo Grande (MS), ou torcer por um tropeço do Paraguai para assegurar a primeira colocação do torneio.

O jogo

A Bolívia mostrou no início do confronto que queria, a todo custo, vencer o Brasil e se despedir com honras dessas Eliminatórias, apesar de ocupar a penúltima posição na tabela. O time da casa pressionou os brasileiros e, aos 10min do primeiro tempo, abriu o placar com Olivares, escorando uma cobrança de escanteio sem sofrer marcação e beneficiado por uma indefinição de Júlio César, que saiu do gol e parou no meio do caminho.

Aos 31min, Marcelo Moreno fez 2 a 0 para a Bolívia e inflamou a torcida do time da casa. O ex-atacante de Vitória e Cruzeiro cobrou falta com categoria, da intermediária, e mandou a bola no canto direito alto de Júlio César que ficou parado no lance.

Depois disso, o Brasil chegou a acertar a trave da Bolívia aos 35min, com Daniel Alves, e teve outras investidas no campo de ataque. Ávidos para exibir um bom futebol e impressionar Dunga, jogadores como Diego Souza e Adriano não repetiram as atuações do Campeonato Brasileiro e a Seleção foi para o intervalo sem balançar a rede.

Na volta para a segundo tempo, Dunga colocou Alex e Diego Tardelli em campo e o Brasil se mostrou mais solto em campo. Desta forma, a equipe diminuiu o marcador aos 24min, em um contragolpe em que Maicon recebeu a bola na direita e cruzou para Nilmar escorar de cabeça. A reação verde e amarela, porém, parou por aí.

Ficha técnica:

Gols
Bolívia: Olivares e Marcelo Moreno, aos 10min e 31min do 1º tempo
Brasil: Nilmar, aos 24ª do 2º tempo

Polêmicas
– Alguns jogadores brasileiros reclamaram da dificuldade em atuar na altitude de La Paz, como o goleiro Júlio César, que foi para o intervalo se queixando da dificuldade em jogar nessas condições
– Adriano sofreu uma lesão no tornozelo esquerdo e pode desfalcar o Flamengo nesta reta final do Campeonato Brasileiro

Lances bizarros
Adriano se apresentou para cobrar uma falta, aos 37min do primeiro tempo, e mandou a bola muito longe do gol boliviano

Ponto Forte da Bolívia
Jogadas aéreas e atuação inspirada de Marcelo Moreno

Ponto Forte do Brasil
Chutes e cruzamentos de Daniel Alves

Ponto Fraco da Bolívia
Erros de passe e falhas de marcação na defesa

Ponto Fraco do Brasil
Falhas da defesa e pouca inspiração de jogadores como Diego Souza e Adriano

Personagem do jogo
Marcelo Moreno, autor de um golaço de falta

Esquema Tático Bolívia
4-4-2
Arias; Zabala, Rivero, Raldes e García; Leonel Reyes, Olivares, Gutiérrez e Abdon Reyes (Vaca); Arce (Pachi) e Marcelo Moreno (Pedriel). Técnico: Erwin Sanchez

Esquema Tático Brasil
4-4-2
Júlio César; Maicon, Miranda, Luisão e André Santos (Elano); Josué, Ramires, Daniel Alves e Diego Souza (Alex); Nilmar e Adriano (Diego Tardelli). Técnico: Dunga

Cartões Amarelos
Bolívia: Zabala, Rivero e Gutiérrez
Brasil: André Santos, Josué, Ramires e Daniel Alves

Árbitro
Pablo Pozo (CHI)

 

Crédito: Terra

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat