• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Morador faz barragem para conter esgoto a céu aberto no Santa Lúcia, em Caxias

 Morador faz barragem para conter esgoto a céu aberto no Santa Lúcia, em Caxias
Digiqole ad

Paulo Quadros, 55 anos, cansou da correnteza cloacal que, diariamente, passa em frente a sua residência, no bairro Santa Lúcia Cohab. Para tentar conter o problema que se intensificou há quase dois meses, tentou abrir um buraco na rua ao lado da casa em busca do cano de esgoto para dar vazão à água suja. Como não achou, inventou uma solução criativa para driblar o problema: construiu um pequeno dique para desviar a água até a boca de lobo do outro lado da rua.

— Todos os dias levo dejetos e outras sujeiras para a minha garagem quando entro com o carro. Além disso, o cheiro é insuportável para todos que moram aqui. É uma imundície. Sei que a prefeitura tem outras obras, mas isso aqui é urgente. Estamos vivendo no meio do esgoto! — ressalta.

Jane Menegaz, 42, é vizinha de Paulo, e também convivia – antes da represinha – com o esgoto correndo livremente na frente de sua casa. O marido tentou desentupir a boca de lobo na esquina, mas em vão. A água suja continuou a correr.

— É um perigo convivermos com esse esgoto a céu aberto. Tenho um filho de 13 anos que joga bola na rua com os outros meninos e eles estão sujeitos a contrair doenças por causa dessa sujeira.

De acordo com a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicas, a tubulação no local foi subdimensionada na construção do loteamento. Ao invés de canos de 60 cm, foram utilizados canos de 30 a 40 cm. No início do ano, a prefeitura conseguiu reparar 200 dos 350 metros de tubulação previstos. Mas a obra emperrou não foi concluída por falta de verba.

No dia 27 de maio, a Dalfovo Construtora foi vencedora de uma licitação de R$ 2,2 milhões para dar reforço às equipes da prefeitura. O prazo para que a empresa começasse os trabalhos era de 30 dias.

 

Crédito: ClicRBS

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat