• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

MÉDICO LEGISTA DE VACARIA NEGA-SE A PERÍCIAR CADÁVER DE CRIANÇA

 MÉDICO LEGISTA DE VACARIA NEGA-SE A PERÍCIAR CADÁVER DE CRIANÇA
Digiqole ad

No final da manhã de hoje, por volta de 11h00min, um bebê com apenas dois meses de idade morreu no bairro Borges, na cidade de Vacaria.

O bebê apresentava sangramento no nariz e não teve a causa da morte definida pela médica do Posto de Saúde que realizou o primeiro atendimento.

Pouco depois, JOSÉ RAUL DE SOUZA E SILVA, com 78 anos de idade , foi encontrado morto em sua própria casa, na rua Afonso Lovato, também em Vacaria. Um Médico compareceu no local e não quis atestar a morte por haver suspeitas de Maus-Tratos.

Diante disso, o Delegado Flademir Paulino de Andrade, Plantonista da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento de Vacaria, determinou que fossem registradas Ocorrências Policiais sobre as mortes e que os corpos fossem encaminhados ao Posto Médico Legal de Vacaria para a realização das necropsias e definição das causas das mortes.

Apesar de tais providências, até o presente momento, as NECROPSIAS NÃO FORAM REALIZADAS.

O Médico-Legista de Vacaria informou o próprio Delegado Flademir de que não realizará a Necropsia no bebê , alegando que o caso não se refere a crime, e que a morte não foi violenta .

Diante do impasse, os corpos das vítimas estão no necrotério de Vacaria há várias horas aguardando pelas perícias, causando muita dor e constrangimento aos familiares das mesmas.

Aguarda-se definição do Posto do DML local, para o qual foi solicitada uma resposta por escrito sobre a NÃO REALIZAÇÃO da necropsia, a fim de que sejam tomadas as providências devidas.

 

Crédito: Flademir Paulino de Andrade – Delegado de Polícia

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat