• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Lixo de toda espécie é jogado às margens de estrada

 Lixo de toda espécie é jogado às margens de estrada
Digiqole ad

O jornalismo da Rádio Esmeralda recebeu denúncias de que um caminhão solta lixo de toda espécie as margens de uma estrada vicinal que dá acesso a diversas propriedades rurais localizadas ás margens da BR – 116 na saída para Lages.

A reportagem se deslocou verificando in loco a situação comprovando o dano ambiental.

O produto jogado dentro de um saco grande de nylon chamado de “Big Bag” e um saco plástico grande é uma espécie de esponja de polietileno usado normalmente em câmaras frias, que não queima com facilidade e não se deteriora a curto espaço de tempo o que agrava ainda mais a situação ambiental.

O que chama a atenção é que: o lixo foi jogado aproximadamente cerca de 500 metros do Rio Passo da Porteira que é um dos mananciais que abastece a Barragem de Captação de Água de Vacaria.

Com as fortes chuvas que ocorreram no município nos últimos dias, este material acaba sendo levado para dentro do referido riacho e em contato com a água, forma ao seu redor uma espécie de espuma.

Um dos proprietários do local disse à reportagem que, também já encontrou próximo ao local, outras espécies de lixo como: restos de filtros de óleo de veículos, lonas de freios velhas, etc…

Saiba Mais:

Os Big-Bags são contentores flexíveis de volume médio (FIBC), usados para transporte e armazenamento de qualquer tipo de líquidos, granulados ou produtos em pó.

Os big-bags são 100% confeccionados com tecidos recicláveis de polipropileno (estabilizado contra ação de raios UV) e costurados com revestimentos internos de polietileno.

São usados para embalagem e estocagem de produtos em pó e granulados, incluindo fertilizantes, sais, produtos químicos, granulados sintéticos, rações, lixo tóxico, cimento, minerais, metais e muitos outros produtos.

Feitos sob medida, especialmente para atender as necessidades de cada cliente, os big-bags estão disponíveis em diferentes tamanhos e especificações, sempre de acordo com os padrões internacionais de segurança.

 

Crédito: Adelar Gonçalves/Dep. Jornalismo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat