• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Kevin Durant alega cansaço mental e pede dispensa da seleção dos EUA

 Kevin Durant alega cansaço mental e pede dispensa da seleção dos EUA
Digiqole ad

Depois de perder o ala do Indiana Pacers Paul George, que sofreu uma grave lesão sexta-feira passada durante um jogo-exibição entre os jogadores dos Estados Unidos, o técnico Mike Krzyzewski, que já não contava com LeBron James, Carmelo Anthony, Chris Paul e Deron Williams, sofreu outra baixa importante para o Mundial da Espanha nesta quinta-feira. Desta vez, porém, por motivos pessoais. De acordo com o diretor executivo da seleção americana, Jerry Colangelo, o ala Kevin Durant alegou cansaço mental e pediu dispensa da competição de 30 de agosto a 14 de setembro.

– Kevin estendeu a mão para mim e “coach K”, expressou que está física e mentalmente esgotado da temporada da NBA e que sua atenção está voltada para muitas responsabilidades. Ele tentou se dar uma chance durante nossa preparação em Las Vegas, mas sentiu que não estava preparado para cumprir o compromisso que fez com a equipe – afirmou Colangelo.

Apesar de lamentar a ausência do principal jogador da seleção americana no Mundial, Jerry Colangelo disse entender as razões alegadas pelo jogador do Oklahoma City Thunder.

– Coach K e eu apoiamos totalmente a decisão de Kevin. Seu bem estar é a coisa mais importante para nós e vamos apoiar sua decisão de ter um tempo de descanso para se preparar para a próxima temporada. Ele tem sido parte do programa da seleção americana por oito anos e um dos responsáveis pelo sucesso que alcançamos. Estamos ansiosos para que ele possa fazer parte do nosso sucesso no futuro também – disse Colangelo.

Jogador mais valioso da última temporada da NBA, Kevin Durant alegou que foi extremamente difícil pedir para não defender a seleção de seu país.

– Foi uma decisão extremamente difícil, pois tenho grande orgulho em representar meu país. Depois de passar pelo campo de treinamento com a seleção, percebi que não poderia cumprir minhas responsabilidades. Preciso dar um passo atrás e ficar algum tempo longe de tudo, tanto física quanto mentalmente, a fim de me preparar para a próxima temporada da NBA. Vou ficar torcendo pela seleção e já estou ansioso para futuras oportunidades com eles – explicou Kevin Durant.

 

Crédito: Globo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat