• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.7828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Itália vive momento de urgência econômica, diz primeiro-ministro

Digiqole ad

Brasília – O primeiro-ministro da Itália, Mario Monti, disse ontem (13) que o país está em estado de ?urgência econômica?, durante discurso em defesa da aprovação do texto do orçamento para 2012 e das medidas de austeridade. A previsão é que até a próxima semana o Parlamento italiano vote as medidas.

Pelo plano de austeridade, há propostas de aumento de impostos e tarifas públicas. Um dos mais polêmicos é o imposto propriedade imobiliária. Também há sugestão para a redução do pagamento de benefícios públicos e de despesas. As propostas têm resistência da população que, no começo desta semana, aderiu à paralisação geral convocada pelas entidades sindicais por apenas algumas horas.

A Câmara dos Deputados da Itália começa a examinar hoje as medidas propostas pelo governo. Depois do processo de apreciação, ocorrerá a votação. O Senado italiano segue o mesmo rito, depois da Câmara. Daí a previsão de conclusão da votação apenas na semana que vem.

O governo Monti calcula que cerca de 20 bilhões de euros serão poupados, dos quais 10 bilhões deverão ser investidos como incentivo para a economia da Itália. ?Essa intervenção pretende salvar a Itália?, disse o primeiro-ministro.

 

Crédito: Agência Brasil

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat