• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Governo lança edital para novo modelo de pedágio no RS

Digiqole ad

O Governo do Rio Grande do Sul publicará, nos próximos dias, o edital para contratar empresa de consultoria que realizará inventário das estradas gaúchas pedagiadas. A companhia deverá fazer recomendações técnicas sobre o novo modelo de pedágios a ser adotado no Estado. A assinatura do documento foi realizada na tarde desta terça, no Palácio Piratini, pelo governador Tarso Genro, que estava acompanhado do secretário de Infraestrutura, Beto Albuquerque.

De acordo com a assessoria do governo, a partir da assinatura do contrato a empresa terá oito meses para entregar suas conclusões. Neste período, a consultoria deverá mapear 2 mil quilômetros de rodovias, verificando fluxo de veículos, condições de tráfego e asfalto, sinalização, pontes e viadutos.

Conforme Tarso, deste modo está sendo dada sequência a três pontos assumidos como compromissos de sua campanha: “Vamos extinguir a praça de pedágio de Farroupilha, vamos reduzir os preços dos pedágios e não iremos prorrogar os atuais contratos”, garantiu.

“O que queremos saber, é onde devem continuar existindo pedágios, onde não deve, onde será comunitário, onde deve ser privado, onde devemos ter rodovias estaduais juntas e onde não é necessária essa junção”, avaliou Beto Albuquerque. “São vários cenários que temos obrigação de avaliar, pois quando se paga uma tarifa muita cara apenas em troca da manutenção da estrada, é fundamental rever o modelo”, enfatizou.

Do sete polos de pedágios existentes no Estado, dois encerram a vigência de seus contratos em julho de 2013. “Sabemos que o prazo é apertado”, comentou o governador. “Mas se, até lá, ainda não houver a definição da nova empresa que vai gerir estes polos, vamos ter um período de transição, no qual Estado e Federação irão assumir a administração de suas rodovias”, esclareceu Tarso.

 

Crédito: Correio do Povo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat