• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Ex-baterista do AC/DC é condenado a oito meses de prisão domiciliar

 Ex-baterista do AC/DC é condenado a oito meses de prisão domiciliar
Digiqole ad

As coisas não andam nada bem para Phil Rudd, agora ex-baterista do AC/DC. Após as acusações que envolviam porte de drogas e até ameaças de morte, ele foi condenado em um tribunal na Nova Zelândia nesta quinta-feira a oito meses de prisão domiciliar. 

O crime mais grave aconteceu no dia 27 de setembro do ano passado, quando Rudd ameaçou matar um de seus assistentes por telefone. A denúncia acabou levando a polícia a fazer uma batida na casa do acusado, onde encontrou 0,71 gramas de metanfetamina e 130 gramas de maconha. 

• AC/DC libera discografia completa em streaming

Inicialmente Rudd negou as acusações, mas em abril deste ano, acabouassumindo a culpa e chegou a pagar uma indenização de valor sigiloso ao empregado ameaçado de morte. 

Enquanto isso, o AC/DC segue com a turnê do disco “Rock or Bust”, onde até o final do ano eles devem passar pela Europa, América do Norte e Oceania. Quem assume a bateria é Chris Slade, que já havia trabalhado com a banda entre 1989 e 1994, antes de Rudd voltar para o grupo.

 

Foto: Divulgação / CP

 

Crédito: http://correiodopovo.com.br/ArteAgenda/561296/Exbaterista-do-ACDC-e-condenado-a-oito-meses-de-prisao-domiciliar

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat