• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Estrupador é preso em flagrante em Vacaria

Digiqole ad

A Polícia Civil de Vacaria lavrou, na noite de ontem, segunda-feira, dia 27, o Auto de Prisão em Flagrante de um homem de 43 anos de idade, sem antecedentes policiais, residente no Bairro São João, em Vacaria, pela prática de estupro de uma menina de 05 (cinco) anos de idade.

O suspeito foi apresentado, no final da tarde de ontem, detido pela Brigada Militar após haver sido flagrado, pela mãe da criança e outras testemunhas, totalmente nu sobre a vítima, que também estava nua, sendo que já a havia obrigado á prática de sexo oral e manipulado os órgãos genitais da menina.

O caso foi imediatamente entregue ao delegado de Polícia Anderson Silveira de Lima, titular da Delegacia de Proteção á Criança e ao Adolescente de Vacaria que, com apoio de profissional da área da psicologia, procedeu á oitiva da vítima, sendo que a criança confirmou todos os atos com detalhes. A Polícia Civil ouviu também a mãe da vítima, que flagrou o suspeito nu sobre sua filha e esta confirmou o fato perante a autoridade policial.

O delegado Anderson solicitou a prisão preventiva do suspeito que foi encaminhado preso em flagrante ao Presídio Estadual de Vacaria, onde permanece à disposição da Justiça.

O suspeito responderá a Inquérito Policial por crime de Estupro de pessoa Vulnerável, estando sujeito a pena de até 15 anos de reclusão.

Por outro lado, a Polícia Civil de Vacaria através da Seção de Investigação da Delegacia de Polícia, coordenada pelo delegado de Polícia Anderson Silveira de Lima, desencadeou, na tarde de ontem, segunda-feira, dia 27, a “Operação Jogo Limpo”, com a finalidade de coibir crimes contra os direitos autorais e de falsificação.

Durante a referida Operação, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em três estabelecimentos comerciais da cidade, sendo apreendidos 200 pares de tênis, 76 camisetas de clubes de futebol, além de diversos bonés e agasalhos aparentemente falsificados.

A Polícia Civil alerta que intensificará a fiscalização e repressão a crimes contra os direitos autorais e de falsificação.

 

Crédito: Adelar Gonçalves/Dep. Jornalismo Rádio Esmeralda e PC de Vacaria

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat