• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.7828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Empresa russa testa concorrente de jatos da Embraer

Digiqole ad

O novo jato de médio porte Superjet 100, fabricado pela russa Sukhoi, realizou nesta quarta-feira seu primeiro teste de longa distância, entre Novosibirsk, na Sibéria, até uma base aérea em Zhukovsky, próxima a Moscou. A aeronave que tem de 75 a 95 assentos será um concorrente direto dos E-Jets da Embraer no mercado internacional.

Dois Superjet 100 percorreram nesta quarta cerca de 3,5 mil km, em vôo que deve servir para o processo de certificação da aeronave. Os fabricantes esperam concluir a homologação do novo jato até o final deste ano, para carregar seus primeiros passageiros no início de 2010.

A Sukhoi estima que o mercado pode absorver 1.040 unidades do Superjet 100 até 2026, enquanto a demanda projetada por este tipo de aeronave é de 6,1 mil. Em 2008, a Embraer entregou 204 E-Jets e tinha 876 pedidos firmes e 810 opções de compra no último trimestre.

De acordo com a agência russa RIA Novosti, o primeiro Superjet 100 deve ser entregue à companhia aérea russa Aeroflot ainda em dezembro desde ano. A empresa já teria feito um pedido de 30 aeronaves.

A Sukhoi, que faz parte da United Aircraft Corporation (UAC), contou com a cooperação de empresas americanas e européias como a americana Boeing, a italiana Alenia Aeronautica e a canadense Honeywell, durante o projeto do Superjet 100.

 

Crédito: Terra

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat