• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.7828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Em sete meses, Vacaria registra o 15º homicídio do ano

Digiqole ad

A Brigada Militar de Vacaria prendeu dois homens suspeitos de terem executado a tiros o jovem Djanir Micael Vieira Bueno, 20 anos, por volta das 21h, da noite dessa quarta-feira, dia 28, na Rua Rui Barbosa, no bairro Borges.

Segundo informações de um PM, Bueno levou dois tiros nas costas. Ele carregava 25 pedras de crack. Os motivos do homicídio ainda não estão esclarecidos.

A vítima caminhava em via pública acompanhado por um primo quando teriam sidos abordados por Juliano Machado de Assis, 35, e Rafael de Souza Corso, 25. Bueno levou dois tiros nas costas e a dupla fugiu em um Renaut Clio.

Minutos depois, a BM localizou os suspeitos no ginásio de esportes do bairro Jardim dos Pampas. O revólver calibre 38 usado no crime foi encontrado pelos PMs em um apartamento nas proximidades de onde estava a dupla.

Conforme o delegado regional de Polícia, João Estevam Mazine da Silva, os suspeitos só vão se manifestar sobre o crime na Justiça. Assis e Corso foram autuados em flagrante e encaminhados ao Presídio Estadual de Vacaria.

Em sete meses, este foi o 15º homicídio registrado em Vacaria neste ano de 2010, uma média de 2,5 homicídios por mês.

O último havia sido registrado há 30 dias, mais precisamente no 28 de junho, quando foi assassinada em sua residência, no bairro Municipal, Elisabete V. de Andrade, de 37 anos, morta com golpes de um pedaço de lenha na cabeça efetuados pelo próprio primo que invadiu sua casa, furtou alguns objetos que posteriormente foram trocados por crack.

 

Crédito: Adelar Gonçalves/Rádio Esmeralda FM – 93,1

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat