• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.7828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Delegada de Bom Jesus é afastada das funções

 Delegada de Bom Jesus é afastada das funções
Digiqole ad

A delegada da Polícia Civil Thalita Andrich, lotada em Bom Jesus, na Serra, foi afastada do cargo nesta terça-feira por determinação da Chefia da Polícia Civil, que seguiu indicação da Corregedoria-Geral da Polícia Civil (Cogepol).

A polícia não fala sobre o caso, mas a medida foi adotada depois de a corregedoria descobrir que a delegada tinha conhecimento de que seu noivo, o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico do município, Rafael Oliveira Silveira, mantinha um telefone celular dentro do Presídio de Estadual de Vacaria. Conforme Zero Hora apurou, Thalita, inclusive, teria sido flagrada em conversas com o noivo.

Silveira, que é vereador, está preso por suspeita de ter ordenado a matança de 126 cães e três gatos em Bom Jesus. No final de novembro, Thalita pediu afastamento da investigação por “questões íntimas”. Teria sido logo depois de identificar o primeiro suspeito, funcionário da prefeitura à época. Silveira e três servidores públicos foram indiciados, denunciados e se tornaram réus no caso.

O celular foi apreendido com Silveira no presídio no dia 13 de janeiro. Thalita, que está em estágio probatório, deve responder a inquérito policial na Cogepol e a uma sindicância que pode concluir pela demissão do serviço público.

A ação

– Em 20 de novembro, foram encontradas dezenas de animais mortos em Bom Jesus. O inquérito foi finalizado com registro da morte de 126 cães e três gatos.

– A polícia obteve um vídeo que mostra um Corsa Hatch circulando por uma rua central da cidade. O carro passou vagarosamente por um grupo de cães e se afastou. A polícia identificou o dono do veículo, funcionário da prefeitura.

– Segundo depoimentos de dois suspeitos do crime, em 19 de novembro, o grupo adquiriu 10 quilos de sebo em um açougue. O veneno teria sido injetado no sebo, distribuído em pedaços para os animais em 10 pontos de Bom Jesus. Conforme a promotoria, a perícia identificou estricnina.

– O inquérito foi encerrado com o indiciamento de quatro suspeitos, indicando que o então secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Rafael Oliveira Silveira, seria o mandante da matança dos animais e teria recrutado os outros três suspeitos, também servidores da prefeitura à época, para concretizar o plano.

 

Crédito: http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticia/2015/02/delegada-de-bom-jesus-e-afastada-das-funcoes-4693210.html

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat