• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

De virada, Brasil passa pelos Estados Unidos no primeiro amistoso em Minas

Digiqole ad

Apesar de ser apenas um amistoso, o primeiro set dava a entender seria difícil tirar a pedra do sapato. Carrascos da equipe verde-amarela na semifinal da Liga Mundial e na decisão olímpica em Pequim, os Estados Unidos venceram a primeira parcial, mas o fôlego acabou ali. De virada, a seleção brasileira nem precisou jogar o seu melhor para bater os rivais por 3 a 1 (23/25, 25/18, 25/20, 25/21), largando na frente na série de cinco amistosos em Minas Gerais.

A partida desta terça foi disputada no Ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros. No mesmo palco, as equipes se enfrentam nesta quarta, às 19h. Os outros amistosos serão em Uberlândia.

Recuperando-se de uma lombalgia, Giba foi poupado por Bernardinho, mas não economizou em animação. Escalado para o banco de reservas, vestindo uma camisa branca de líbero, o atacante incentivou a equipe o tempo todo. O líbero Serginho, com uma lesão nas costas, também não jogou. Dentro da quadra, os destaques foram João Paulo, maior pontuador, com 17, e Sidão, que anotou sete pontos de bloqueio.

– Foi bom, mas sempre pode ser melhor. Jogamos pouco em relação ao que podemos jogar. Treinamos bastante para os bloqueios, e nosso saque ajuda muito – afirmou o central Sidão, em entrevista ao SporTV.

O saque brasileiro, contudo, não funcionou da maneira esperada e foi responsável pela irregularidade do time em alguns momentos da partida. Bernardinho admitiu os erros da equipe, mas lembrou que este foi apenas o primeiro de cinco amistosos.

– É só o primeiro jogo, ainda temos muito o que evoluir diante das nossas deficiências. É para isso que estamos aqui. A equipe começou tentando se encontrar e cometeu muitos erros nos contra-ataques. A partir do segundo set, o time se soltou um pouco mais e passou a pressão para o lado de lá.

 

Crédito: Globo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat