• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Cultura indígena do Equador em Vacaria

Digiqole ad

As pessoas que circularam pela praça Daltro Filho nos últimos dois sábados, tiveram a oportunidade de sentir e ouvir as músicas do grupo musical indígena, “Sumak Yawar”, que em português significa “Sangue Bom”.

O grupo formado pelos irmãos Rumy (29 anos), Tupayc (24), Wuyrac (20) e Malquí (14), são natural de Otavalo, um pequeno vilarejo do Equador.

O garoto Malquí informou a reportagem, que eles viajam toda a América Latina divulgando sua cultura de descendentes dos índios Incas através de suas canções a mais ou menos 5 anos.

O 1º CD do grupo músicas para meditação e também cantadas no idioma kichua. Já o 2º volume traz somente melodias para meditação.

Durante suas apresentações em praça pública, os índios do Sumak Yawar devidamente pintados, usando cocares e trajados com vestes da sua tribo, tocam em flautas feitas de taquara acompanhados por “play back”.

Além disso, eles cantam e dançam as melodias que fazem parte da sua cultura.

Enquanto segue a apresentação, o garoto Malquí que também participa do show com gritos e imitando alguns animais da floresta, oferece ao público os CDs do grupo ao preço de R$ 15.

Há também um recipiente indígena todo trabalhado que serve para que as pessoas se quiserem, façam doações ao grupo que realmente apresenta melodias de qualidade e que faz bem aos nossos ouvidos.

 

Crédito: Adelar Gonçalves/Rádio Esmeralda FM – 93,1

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat