• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Comunidade cobra ação da Brigada Militar em frente a escolas

Digiqole ad

A agressão a um aluno da escola Padre Pacífico na noite de segunda-feira, trouxe a tona novamente o problema da violência a estudantes em frente aos estabelecimentos de ensino.

Um adolescente de 15 anos foi espancado por alguns desocupados na saída da escola. O pai do menino Aldo Silva, indignado com a situação, cobrou da Brigada Militar uma ação mais enérgica na retirada dessas pessoas que ficam em frente as escolas promovendo baderna, ameaçando e agredindo alunos.
A diretora do Padre Pacífico, Irene Borges confirmou que esses fatos vêm acontecendo com freqüência e que já procurou todos os órgãos de segurança pedindo apoio.

O comandante da 1ª Companhia do 10º BPM Capitão Alecsandro, garantiu que as medidas mais severas vão ser tomadas com atenção especial às escolas que vem tendo problemas.

Foi formada em Vacaria a Comissão de Segurança Escolar que é presidida por Aladim Garcia de Freitas. No dia primeiro de junho, haverá mais uma reunião, desta vez na escola Professor José Fernandes de Oliveira. Segundo Aladim, esta comissão tem a participação de professores, alunos e pais, com o objetivo de programar ações de combate a violência escolar.

 

Crédito: Miro Santos/Rádio Esmeralda

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat