• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Chiclete com açúcar pode estimular mau hálito

 Chiclete com açúcar pode estimular mau hálito
Digiqole ad

Muitos pensam que somente a escovação pode ser a solução para o mau hálito. De acordo com Luis Fernando Bellasalma, professor de Periodontia da Escola de Aperfeiçoamento Profissional da APCD (Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas), beber água e evitar chicletes e bala com muito açúcar podem evitar o problema.

— Quem ingere pouca água ao longo do dia acaba provocando a hipossalivação que favorece um aumento na concentração de compostos à base de enxofre na cavidade bucal. Sendo assim, além de procurar um cirurgião-dentista, a primeira medida de quem suspeita estar com mau hálito é beber muita água. O organismo como um todo agradece.

Se a água faz bem, o consumo exagerado de balas e chicletes não resolve o problema da halitose.

— Todo chiclete contém algum tipo de adoçante, mas os que têm açúcar podem acabar estimulando ainda mais a produção das bactérias na placa — o que causa mau hálito e cárie. Já o álcool e a cafeína, que costumam ser consumidos em grande quantidade por algumas pessoas, têm a propriedade de deixar a boca seca e criar um ambiente favorável às bactérias causadoras de cáries e mau hálito. Nesse sentido, também, vale ressaltar que é importante evitar comer doces entre as refeições e, principalmente, antes de dormir, já que a quantidade de saliva durante o sono diminui bastante, reincidindo no mesmo problema.

Estresse pode causar mau hálito. Saiba como driblar o problema

De acordo com Bellasalma, pelo menos 25% da população convive com o problema permanentemente – o que acaba afetando as relações pessoais e profissionais. Muitas vezes, a halitose tem origem em infecções periodontais, inflamação gengival, próteses mal adaptadas, e, sobretudo, desvios de padrão salivar que – juntos ou não – culminam no indesejável mau hálito.

— Caso ninguém alerte o paciente, ele pode conviver com o problema por muito tempo, já que acaba se acostumando com o odor do próprio hálito. Diante da mínima desconfiança, a pessoa deve redobrar os cuidados com a higiene bucal, fazendo uso de fio dental para eliminar todo resto de alimento alojado entre os dentes.

Para o professor, outro ponto de atenção deve ser a higienização da língua.

— Quando a crosta esbranquiçada que reveste a parte superior da língua for espessa, é fundamental utilizar um limpador apropriado para removê-la. Quando for fina ou invisível, vale a pena limpar o dorso da língua com uma gaze, sem colocar muita força.

 

Crédito: http://noticias.r7.com/saude/chiclete-com-acucar-pode-estimular-mau-halito-20032015

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat