• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.7828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Campeão no domingo, Flamengo domina premiação dos melhores do NBB

Digiqole ad

Campeão do Novo Basquete Brasil (NBB) no último domingo, o Flamengo foi o maior vencedor na festa de encerramento da competição, realizada nesta terça-feira, no Clube Pinheiros, em São Paulo.

O clube carioca levou oito prêmios: quatro apenas com Marcelinho (melhor do campeonato, craque da galera – SporTV, melhor ala e cestinha), além de melhor ataque, treinador do ano, melhor pivô e ainda o de melhor sexto homem.

Na seleção do campeonato, o Flamengo colocou, além de Marcelinho, o pivô Baby, o técnico Paulo Chupeta e o melhor reserva do ano, o baixinho Fred. O time escolhido por jornalistas e técnicos tem ainda o pivô Murilo (Minas), o ala Alex (Brasília) e o armador Larry (Bauru).

Destaque absoluto na premiação, Marcelinho afirmou estar vivendo melhor momento de sua carreira.

– Esse excesso de bagagem é tudo, é ourinho, né? É o melhor momento da minha carreira, sem dúvida. Eu me dedico muito ao basquete, então esse momento é muito especial para mim. Pela transformação que está acontecendo no basquete. E ser campeão pelo Flamengo é diferente de tudo. Bi inédito então! O sul-americano, também inédito… – afirmou Marcelinho, repleto de prêmios.

Premiado como melhor pivô da competição, Baby não esqueceu de lembrar dos companheiros rubro-negros.

– Eu fiquei surpreso com o prêmio, mas tem que lembrar sempre que as conquistas individuais só são possíveis por causa do coleitivo. E nossa torcida, nosso sexto ou sétimo jogador, merecia um troféu do tamanho daquele grandão lá – disse, apontando para o troféu de campeão.

Veja abaixo todos os premiados da noite:

Melhor jogador: Marcelinho (Flamengo)
Armador: Larry (Bauru)
Alas: Alex (Brasília) e Marcelinho (Flamengo)
Pivôs: Baby (Flamengo) e Murilo (Minas)
Melhor defensor: Alex (Brasília)
Melhor técnico: Paulo Chupeta (Flamengo)
Melhor sexto homem: Fred (Flamengo)
Craque da galera – Troféu SporTV: Marcelinho (Flamengo)
Cestinha: Marcelinho (Flamengo)
Reboteiro (Joinville)
Líder em assitências: Sucatzky (Minas)
Melhor ataque: Flamengo
Melhor defesa: Joinville
Fair-play: Bauru
Melhor trio de arbitragem: Cristiano Maranho, Sérgio Pacheco e Carlos Renato dos Santos

 

Crédito: Globo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat