• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Câmara aprova projeto que proíbe aplicativos como Uber em Porto Alegre

 Câmara aprova projeto que proíbe aplicativos como Uber em Porto Alegre
Digiqole ad

A Câmara Municipal de Porto Alegre aprovou nesta quarta-feira o projeto que PL 145/15, que “proíbe o transporte remunerado de passageiros em veiculos particulares cadastrados por aplicativos ou plataformas semelhantes e da outras providencias”, como o Uber. A proposta foi aprovada por 22 votos a nove (quatro vereadores não votaram e havia uma falta justificada), em sessão tumultuada, marcada por manifestações contra e a favor do aplicativo Uber. 

• Veja como votou cada vereador

Autor da proposta, o vereador Clàudio Janta (SD) foi bastante saudade por taxistas presentes na sessão. Ele comemorou a aprovação e chegou a pedir a extinção do Uber: “Este aplicativo é completamente irregular. Nós provamos isso através de juristas famosos, juristas reconhecidos”, argumentou. “Esperamos que o aplicativo saia do ar. O aplicativo quer tirar emprego de pessoas em Porto Alegre.”

Para Janta, a lei aprovada nesta quarta reforça a legislação da cidade que trata sobre transporte remunerado. Na véspera, o diretor-presidente da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Vanderlei Cappellari, disse que a proposta seria inócua, por já haver leis sobre o tema. 

Vereador cita até escravidão para defender proibição

O vereador do Solidariedade ainda foi questionado pela Rádio Guaíba sobre o posicionamento favorável ao Uber de parte da população de Porto Alegre. Ele minimizou o apoio ao aplicativo: “Se os governantes ouvissem somente o que as pessoas são favoráveis nós ainda iríamos manter os escravos e não teríamos a vacina”, argumentou . “Nós tivemos pessoas que foram inteligentes, como Abraham Lincoln, que absolveu (sic) os escravos nos Estados Unidos, Osvaldo Cruz, que foi a favor das vacinas. As pessoas eram contra a libertar escravos e eram contra as vacinas. E hoje as vacinas milhares e milhares de pessoas e os negros estão livres nas faculdades, nos tribunais, nas escolas, no Judiciário, na Medicina”, afirmou. “Estamos somente exigindo que as leis sejam cumpridas.”

Dois carros do Uber são flagrados nesta quarta 

Agentes de fiscalização da EPTC apreenderam nesta quarta-feira dois carros usados para o Uber. A blitz ocorreu na avenida Loureiro da Silva, área central da Capital. Na ação, foram abordados 82 veículos, com 33 autuações emitidas por diversas infrações. Desde o fim de semana, três motoristas do Uber foram autuados, o primeiro deles no sábado.

Dos autuados, cinco eram táxis, além dos dois casos de transporte clandestino, como é considerado o Uber. Os sete foram recolhidos por irregularidades para o depósito da EPTC. A empresa esclarece que as blitze não ocorreram para fiscalizar exclusivamente a carona paga, mas porque ocorrem de forma rotineira, com o objetivo de coibir infrações, além de garantir uma maior segurança no trânsito.

*Com informações da repórter Cíntia Marchi e da Rádio Guaíba

 

Foto: Elson Sempé Pedroso / CMPA

 

Crédito: http://correiodopovo.com.br/Noticias/Politica/2015/11/573024/Camara-aprova-projeto-que-proibe-aplicativos-como-Uber-em-Porto-Alegre

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat