• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Button supera Barrichello e vence pela quarta vez

Digiqole ad

Jenson Button segue ditando o ritmo da temporada 2009 de Fórmula 1. Neste domingo, durante a disputa do GP da Espanha, no circuito de Barcelona, o britânico da Brawn GP largou na pole, perdeu a posição para o companheiro Rubens Barrichello antes da primeira curva, mas se recuperou e venceu pela quarta vez em cinco provas disputadas.

Barrichello terminou na segunda posição, seguido pelo australiano Mark Webber, da Red Bull. Felipe Massa, da Ferrari, fazia uma excelente corrida e estava na briga pelo pódio, mas um erro da Ferrari fez o brasileiro cruzar a linha de chegada apenas na sexta colocação.

Com mais uma vitória, Button chega a 41 pontos, contra 27 do vice-líder Barrichello. A terceira colocação no Mundial de Pilotos é do jovem Sebastian Vettel, da Red Bull, que terminou em quarto neste domingo. Mesmo com o erro da Ferrari, Massa conseguiu os primeiros pontos no ano.

A prova

Após largar da terceira colocação do grid, o brasileiro Barrichello assumiu a ponta da corrida ao superar o alemão Vettel e o britânico Button. Logo depois da ascensão do veterano da Brawn GP, a prova foi paralisada.

O italiano Jarno Trulli, da Toyota, foi tocado pelo alemão Nico Rosberg, da Williams, e acabou provocando um acidente envolvendo ainda Sebastien Buemi (Toro Rosso), Sebastien Bourdais (Toro Rosso) e Adrian Sutil (Force India). Desta forma, o safety car entrou na pista.

Massa, que começou na quarta colocação, também largou bem e ganhou uma posição ao passar Vettel. Com o recomeço da prova, os pilotos da Brawn GP pisaram fundo. Barrichello e Button passaram a se revezar nas melhores voltas.

O veterano da Brawn GP foi para os boxes no 19º giro, logo depois de Button. O britânico permaneceu nos boxes durante 9s3. O brasileiro, por sua vez, ficou apenas 6,7s, indicando a estratégia de três paradas. Com problemas de aceleração em sua Ferrari, Kimi Raikkonen deixou a prova.

Após a segunda parada nos boxes de Barrichello, Button assumiu a liderança e passou a abrir em relação ao brasileiro, que voltou em quarto. No segundo lugar, Massa perdeu a calota dianteira esquerda, o que prejudicou a aerodinâmica de sua Ferrari.

Na 49ª volta, Button viu o sucesso de sua estratégia de duas paradas. Logo depois de receber o britânico para seu segundo e último pit stop, os boxes da Brawn GP abrigaram Barrichello pela terceira vez. O brasileiro retornou em segundo, mas não conseguiu mais ameaçar seu companheiro.

Massa ainda teve problemas no final da corrida. Com menos combustível do que imaginava, ele foi ultrapassado por Vettel e pelo espanhol Fernando Alonso. Lentamente, o brasileiro cruzou a linha de chegada em sexto.

Confira o resultado final do GP da Espanha:

1. Jenson Button (ING/Brawn GP) – 66 voltas em 1h37min19s202
2. Rubens Barrichello (BRA/Brawn GP) – a 13s056
3. Mark Webber (AUS/Red Bull) – a 13s924
4. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) – a 18s941
5. Fernando Alonso (ESP/Renault) – a 43s166
6. Felipe Massa (BRA/Ferrari) – a 50s827
7. Nick Heidfeld (ALE/BMW) – a 52s312
8. Nico Rosberg (ALE/Williams) – a 1min05s211
9. Lewis Hamilton (ING/McLaren) – a 1 volta
10. Timo Glock (ALE/Toyota) – a 1 volta
11. Robert Kubica (POL/BMW) – a 1 volta
12. Nelsinho Piquet (BRA/Renault) – a 1 volta
13. Kazuki Nakajima (JAP/Williams) – a 1 volta
14. Giancarlo Fisichella (ITA/Force India) – a 1 volta

Não completaram
Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari)
Heikki Kovalainen (FIN/McLaren)
Jarno Trulli (ITA/Toyota)
Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso)
Sebastien Bourdais (FRA/Toro Rosso)
Adrian Sutil (ALE/Force India)

 

Crédito: Terra

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat