• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Brasil perde e fica em terceiro lugar na primeira fase do Sul-Americano Sub-20

Digiqole ad

Em um jogo aberto e emocionante, a seleção brasileira foi derrotada pelo Uruguai por 3 a 2, em Puerto Ordaz, pelo Campeonato Sul-Americano Sub-20. O destaque foi o atacante uruguaio Hernández, autor de dois bonitos gols.

Com o resultado, o Brasil ficou na terceira colocação no Grupo B, com sete pontos ganhos (perde para o Paraguai nos critérios de desempate). O Uruguai terminou em primeiro, com 12. A seleção estreia na próxima fase, um hexagonal, contra o mesmo Uruguai, no sábado.

A seleção brasileira sofreu o gol no seu melhor momento nos primeiros 45 minutos. A equipe do técnico Rogério Lourenço tinha mais posse de bola e levava perigo, principalmente nos chutes de longa distância. Mas uma falha do zagueiro Leandro, aos 22 minutos, deu a chance de o Uruguai pular na frente. Cordoba tomou a bola na entrada da área e, de esquerda, chutou forte, sem defesa para o goleiro Rafael.

O gol mexeu com o Brasil, que se perdeu em campo. A defesa parecia assustada, e a marcação estava frouxa. Viúdes, meia-atacante uruguaio, conduziu seu time sem ser incomodado por nenhum marcador. Aos 27, ele teve a chance de ampliar a vantagem em linda jogada pela esquerda. Ele driblou dois adversários e chutou. Rafael mandou a escanteio.

A seleção passava sufoco e estava mais perto de levar o segundo do que de empatar, mas o talento do meia Douglas Costa salvou o time. Em jogada individual iniciada no meio-campo, ele fez fila, driblou dois adversários e tocou cruzado no canto de Rodriguez.

Uruguai volta melhor ao segundo tempo

O Uruguai voltou melhor no segundo tempo. Logo aos 15 minutos, teve a chance de retomar a liderança. O atacante Hernández entrou na área pela direita em bela jogada individual, chutou por cima de Rafael. Charquero, em posição legal, completou, mas o árbitro anulou, marcando impedimento.

Três minutos depois, o Brasil “achou” o gol da virada. Douglas, pela direita, cruzou, e Alan Kardec, de cabeça, testou sem defesa para Rodríguez.

O jogo ficou franco e disputado. O Uruguai continuou atacando, agora em busca do empate. E ele não demorou a sair. Aos 23, Hernández, de fora da área, acertou um chute no canto direito de Rafael. Nem assim o ritmo diminuiu. Oportunidades foram criadas por ambos os lados, e os uruguaios, que tinham Hernández em noite inspirada, chegaram ao gol da vitória. Aos 39, ele recebeu livre e chutou na saída do goleiro, dando números finais ao confronto.

Resumo do Grupo A

No Grupo A, a situação foi emocionante e complicada. Quatro dos cinco times terminaram a fase de classificação empatados com seis pontos ganhos. Por causa dos critérios de desempate, a Venezuela terminou em primeiro e a Argentina, em segundo. Colômbia e Equador, empatados em tudo, foram para o sorteio, e a vaga ficou com os colombianos.

Os classificados

Grupo A – Venezuela, Argentina e Colômbia

Grupo B – Uruguai, Brasil e Paraguai

 

Crédito: Globo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat