• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Brasil faz golaço, mas cede empate na estréia

Digiqole ad

A Seleção Brasileira não teve um bom início no Campeonato Sul-Americano Sub-20, disputado na Venezuela. Após sair na frente nesta terça-feira com um golaço marcado pelo atacante Walter, no Estádio Polideportivo de Cachamaray, em Puerto Ordaz, a equipe verde e amarela cedeu o empate por 1 a 1 ao Paraguai em sua estréia na competição.

Com a igualdade, a equipe nacional deixa a liderança do Grupo B nas mãos do Uruguai, que mais cedo bateu a Bolívia por 2 a 0 e chegou aos três primeiros pontos, com dois a mais que paraguaios e brasileiros, em rodada que o Chile folgou. As cinco equipes da chave voltam a campo na próxima quinta-feira, com os confrontos Uruguai x Chile e Brasil x Bolívia, em dia sem compromissos para o Paraguai.

Com bom entrosamento, a Seleção Brasileira iniciou o duelo trocando rápidos passes no ataque e criando boas situações para abrir o placar. Na primeira delas, o atacante se apresentou à torcida nacional com um chute de esquerda de fora da área, logo aos 5min, que saiu sobre o travessão adversário.

Já em nova aparição, o camisa nove voltou a mostrar a arma do chute forte à distância e desta vez balançou as redes paraguaias, anotando o primeiro tento brasileiro no Sul-Americano. Aos 7min, o centroavante do Internacional recebeu e, de longe, acertou o ângulo de Joel Silva, anotando um golaço em Puerto Ordaz.

Em vantagem no placar, o time do técnico Rogério Lourenço manteve o bom momento e quase fez o segundo aos 22min, em boa trama do ataque brasileiro. Depois de ver a bola passar pelos principais homens de armação da equipe, Walter recebeu de costas para a meta paraguaia e ajeitou para Dentinho bater de esquerda e carimbar o travessão.

Em seguida, a formação verde e amarela chegou com perigo mais duas vezes antes do intervalo, ambas com o seu camisa nove. Aos 23min, ele recebeu bom cruzamento e testou para boa defesa de Silva. Já aos 38min, em nova jogada individual, o centroavante bateu de esquerda, contou com o desvio da zaga e viu a bola ir para fora, com perigo.

Na volta para o segundo tempo, a Seleção Brasileira voltou com uma maior marcação sobre os rivais, mas diminuiu o ímpeto ofensivo nos minutos iniciais. Destaque do primeiro tempo, Walter teve a chance de voltar às redes aos 14min, mas não conseguiu dominar ótimo passe de Giuliano quando estava dentro da área.

Com amplo domínio da partida, a equipe nacional trocava passes em seu campo de ataque e administrava a vantagem conquistada no primeiro tempo. Com boa movimentação, o meia Renan Oliveira, do Atlético-MG, levou perigo em duas oportunidades ao concluir para fora.

Mesmo sem forçar muito, o Brasil ainda criou novas chances nos pés de Douglas Costa e novamente com Walter. Aos 25min, o meia do Grêmio arriscou de longe em cobrança de falta e levou perigo ao mandar perto da trave paraguaia. Em seguida, o camisa nove recebeu de Dentinho e bateu alto.

Douglas Costa voltou a assustar os adversários aos 29min, em novo tiro de longe, que teve desvio na marcação paraguaia e passou próximo de balançar as redes. Sem marcar, a equipe brasileira levou o castigo três minutos depois, em lance que Pérez teve espaço na área e finalizou. A bola ainda acertou a marcação de Everton e tirou as chances de defesa do goleiro Renan.

A igualdade perjudicou a atuação dos brasileiros, que não conseguiram mais criar oportunidades de levar os três pontos. Perdida em campo, a equipe ainda quase levou novo golpe aos 44min, quando Coronel aproveitou rebote e finalizou com força, mas a bola subiu e passou por cima do travessão.

 

Crédito: Terra

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat