• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Brasil atropela o Uruguai e soma duas vitórias no Campeonato Sul-Americano

Digiqole ad

Mais uma vez, o Brasil não deixou o adversário chegar à casa dos 20 pontos no Campeonato Sul-Americano, disputado em Bogotá (Colômbia). Assim como aconteceu no jogo de estreia contra o Peru, a seleção atropelou o Uruguai por 3 sets a 0, parciais 25/17, 25/19 e 25/15, em 57 minutos, e manteve a invencibilidade na competição.

O Brasil volta à quadra nesta terça-feira, às 21h (de Brasília), para o confronto contra a dona da casa, a Colômbia. Mesmo pronto para encarar um rival mais difícil, Leandro Vissoto não subestima o valor das duas vitórias iniciais.

– É bom para dar um gás. É difícil jogar aqui na altitude. Falta um pouco de ar, mas estamos nos virando bem. Usaremos todos os confrontos para pegar experiência. Isso será importante na hora de enfrentar nossos dois maiores adversários na competição, que são Argentina e Venezuela. Mas acho que nossa estreia na competição será agora contra a Colômbia. É um jogo contra o time da casa, que possui jogadores mais preparados do que Peru e Uruguai – disse o oposto.

Estreando como titular da equipe, o levantador Marlon, que acabou entrando no time devido a lesão de Bruninho, está confiante no rápido entrosamento com os outros jogadores.

– A adaptação está sendo tranquila para mim. Eu já conheço muito o grupo e falta só pegar um pouco mais de ritmo de jogo para as partidas mais importantes do Sul-Americano, que serão contra Venezuela e Argentina.

Depois de enfrentar a Colômbia, o Brasil ainda terá três partidas pelo Sul-Americano: Chile (quarta-feira, 15h), Venezuela (quinta-feira, às 19h) e Argentina (sexta-feira, às 21h).

 

Crédito: Globo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat