• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Barusco evita falar se havia corrupção na Petrobras durante governo FHC

 Barusco evita falar se havia corrupção na Petrobras durante governo FHC
Digiqole ad

Ao depor nesta terça-feira na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras, o ex-gerente da estatal Pedro Barusco, indagado por deputados do PT, não respondeu se havia um esquema de corrupção na Petrobras durante o período de governo do presidente Fernando Henrique Cardoso. Porém, sem entrar em detalhes, informou que começou a receber propina na empresa em 1997 e por conta própria.

Barusco disse ainda que não ia aprofundar na informação porque está sendo investigado a respeito pelo Ministério Público Federal (MPF) e pelo governo holandês. “Não vou entrar em detalhes sobre esse período. O que tenho a detalhar estou fazendo com o Ministério Público”.

A deputada Maria do Rosário (PT-RS) criticou a postura de Barusco. Ela destacou que o depoimento dele era de “meias verdades” e criticou: “Nós queremos aqui investigar os governos passados e o governo presente”. ” Estão querendo fazer uma meia CPI”, completou.

O também petista Leo de Brito (AC) chegou a propor a Barusco uma delação premiada específica do período. “O senhor topa fazer uma delação premiada em relação aos fatos ocorridos antes de 2003?”. O ex-gerente da Petrobras respondeu que teria que esperar o fim das investigações para saber que decisão tomar, mas que pensaria sobre o assunto.

O depoimento do ex-gerente da Petrobras começou por volta das 11h, na Câmara dos Deputados. No começo da CPI, ao falar sobre o volume de dinheiro movimentado pelo tesoureiro do PT, Barusco estimou que João Vaccari Neto tenha recebido de US$ 150 a US$ 200 milhões. Disse ainda que se reuniu com o petista para tratar de propina e que a partir de 2004 as comissões ilegais recebidas das empresas passou a ser “institucionalizada”.

 

Crédito: http://correiodopovo.com.br/Noticias/551026/Barusco-evita-falar-se-havia-corrupcao-na-Petrobras-durante-governo-FHC

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat