• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Alunos de escolas estaduais realizam manifestação pacífica em Vacaria

 Alunos de escolas estaduais realizam manifestação pacífica em Vacaria
Digiqole ad

Mesmo com chuva, por volta das 8 horas da manhã desta sexta-feira, dia 21, cerca de 300 alunos das escolas estaduais Padre Pacífico, Irmão Getúlio, Padre Efrem e Zezinho portando apitos, tambores, cartazes com palavras de ordem e gritando “Vacaria Acordou” e “Nós Não Somos Palhaços”, realizaram uma manifestação pacífica pelas principais ruas do Centro da cidade.

A concentração dos alunos aconteceu em frente à Catedral Nossa Senhora da Oliveira, logo após os alunos atravessam a praça e alguns chegaram a subir as escadas da Prefeitura Municipal, em seguida contornaram a praça Daltro Filho e se concentraram em frente a Escola Padre Efrem (FOTO).

Segundo informações de Marjorie Barbosa, aluna da Escola Padre Pacífico e uma das organizadoras da manifestação, os alunos saíram ás ruas em apoio ás demais manifestações que estão acontecendo nas capitais brasileiras e também solicitam o fim do Ensino Politécnico e do Seminário, mais Saúde, mais verba para a Educação e mais Segurança nos estabelecimentos de ensino.

A aluna Marjorie informou também que a manifestação de hoje foi apenas uma amostra da grande concentração que acontecerá amanhã, sábado, dia 22, ás 16h30min no largo de Fátima, quando um maior número de pessoas deverá percorrer as principais ruas da cidade.

Após saírem da praça Daltro Filho, os alunos desceram a Rua Ramiro Barcelos, entraram na Rua Júlio de Castilhos e se dirigiram para a frente da 23ª CRE.

“Essa manifestação a princípio estava programada para acontecer até o meio-dia de hoje, mas devido à chuva, dispersaremos antes. Mas amanhã, a manifestação irá acontecer com qualquer tempo”, finalizou a aluna.

A manifestação dos alunos foi acompanhada de perto por PM’s e teve a orientação da Guarda Municipal no controle do trânsito.

Léo Fiorio, chefe da Guarda Municipal informou a nossa reportagem que a manifestação estava prevista para ás 8h30min de hoje, mas que começou meia hora antes, o que chegou a causar um congestionamento no trânsito das ruas centrais da cidade.

Prevendo isso, o inspetor Ribeiro da Guarda Municipal já estava no local com um grupo de GM’s e tão logo começou a manifestação, entraram em ação no controle do tráfego e acompanhando os alunos.

 

Crédito: Adelar Gonçalves/Dep. Jornalismo

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat