• TEL: (54) 3231.7800 | 3231.7828 (PEDIDOS DE MÚSICAS)

Agente anuncia o fim da carreira do meia-atacante Everton Costa

 Agente anuncia o fim da carreira do meia-atacante Everton Costa
Digiqole ad

Everton Costa terá de deixar o futebol. O anúncio foi feito pelo agente Jorge Machado em participação no “Arena SporTV” desta quarta-feira. Afastado do futebol desde abril de 2014 por um diagnóstico de arritmia cardíaca, o meia-atacante de 29 anos, completados em 6 de janeiro, foi forçado pelos médicos a encerrar a sua carreira. Segundo Machado, uma doença de Chagas detectada ainda quando ele atuava pelo Santos, em 2013, e não divulgada, foi a causadora do problema.

– Infelizmente o diagnóstico do Everton Costa é pelo fim da carreira dele como atleta. Em primeiro lugar, quero agradecer todo o carinho do Vasco, da antiga e da atual diretoria, e que o Coritiba está dando ao Everton, já que está com ele desde os 17 anos. Era um super atleta, fez parte de times que montei no Internacional, Caxias, Coritiba e no próprio Santos. Infelizmente aconteceu isso com ele por uma doença de Chagas detectada na época que ele estava no Santos e que não foi repassada para as pessoas, não foi dito, foi 'segurado' pelo corpo técnico do Santos. Depois, quando ele teve esse problema no Vasco, o corpo médico do Santos comunicou ao Vasco que tinham detectado já essa doença que ele teve. Infelizmente o Everton não tem mais condição de continuar, até pela saúde dele – anunciou Machado.

O jogador, em entrevista à produção da TV Globo, confirmou o adeus ao futebol, mas preferiu não dar declarações.

A partir de agora, Everton Costa deve se dedicar a trabalhos administrativos no escritório do empresário, em Porto Alegre. Com o Coritiba, o atleta teria contrato até dezembro. Machado lamentou a mudança na vida de seu cliente.

– Ele teve uma carreira exemplar, desde os 15 anos que está comigo, mas infelizmente aconteceu isso com ele praticando o que ele mais tinha de prazeroso na vida. Estamos tratando o caso juridicamente com o Coritiba, que dá o maior apoio. Foi um jogador que atuou em clubes médios e quando conseguiu alcançar o grande contrato de sua vida, aconteceu isso. Mas temos continuar ajudando, trabalhar no escritório. É hora dos jogadores profissionais se unirem, como é feito na Holanda, para dar proteção. O Everton tem contrato garantido por mais um ano pelo seguro e depois vai entrar no processo normal, vai ser um jogador aposentado, no qual cai mais de 4.000% o salário que ele ganha hoje – disse o agente.

O último jogo de Everton aconteceu em 16 de abril de 2014, na vitória do Vasco por 1 a 0 contra o Resende, pela Copa do Brasil do ano passado. Na ocasião, o jogador se sentiu mal no inicio do segundo tempo e foi atendido ainda em campo. Após seis dias de internação, passou por uma cirurgia para implantar um desfibrilador no peito. Apesar da luta, porém, Everton não conseguiu voltar a praticar esporte.

Citado na entrevista do empresário por conta da decisão de seu “corpo médico” em 2013, que teria abafado o diagnóstico de doença de Chagas do atleta, o Santos prometeu que irá se manifestar sobre o caso através de sua assessoria de imprensa.

 

Crédito: http://sportv.globo.com/site/programas/arena-sportv/noticia/2015/02/agente-anuncia-o-fim-da-carreira-do-meia-atacante-everton-costa-ex-vasco.html

 

Digiqole ad

Relacionados

Open chat